quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Capitulo 11

ouvi o Kevin (o caminhoneiro) gritar: SABE, ONTEM EU IA LEVANDO NORMALMENTE O CAMINHÃO COM OS FERROS PRA CIDADE, NA PRIMEIRA PARADA RESOLVI OLHAR O QUE ESTAVA LA DENTRO, E ACREDITEM SÓ, ESSA PRINCESINHA AQUI, ESTAVA SE ENCONDENDO NO CAMINHÃO, ELA QUERIA FUGIR, OLHA QUE COISA LEGAL, NAO É MESMO MOCINHA!? ele apertava o braço da minha Demi, meus olhos lacrimejavam
Deu tudo errado, ela foi pega --'

Sai bem rapido da barraca, calma ae Kevin, eu cuido dessa vadia, fugiu de mim nao foi? Agora vai pagar seriamente por isso, eu a olhava com raiva nos olhos
Vem aqui, a puxei com força deixando o braço dela vermelho, eu vou te ensinar a nao fazer isso dinovo.
Susurrei o ouvido dela pra ninguem ouvir: vamos tentar dinovo ok, vai dar certo. Eu te amo

A joguei no chão da cabana, me aproximei da porta e disse aos outros: bom, agora é pessoal! So digo uma coisa, ela vai se arrepender de ter feito isso!
Bati a porta com força.

Ouvi os caras gritarem entusiasmados: Pow Joe, deixa a gente ver o que voce vai fazer com ela cara! Começaram a esmurrar a porta querendo entrar de qualquer forma.
Eu fui ate a porta, abri e os encarei: Calem a boca, ela vai pagar por isso, mas o unico que vai ver, sou eu, agora saiam logo daqui! ¬¬
Elees retrucaram, mas se afastaram da cabana.. eu me aproximei dela. Alisei seu rosto, e dei um selinho

PORQUE VOCE FUGIU DE MIM SUA VAGABUNDA? EU AVISEI NAÕ AVISEI? MAS VOCE FEZ, E AGORA, VAI SOFRER AS CONSEGUENCIAS!

ela me olhoou assustada. Joe o que ta fazendo? ;s
Cala a Boca Demetria, agora eu vou fazer o que quiser com voce!
Pisquei pra ela, me aproximei do seu ouvido e susurrei baixinho: eles estao ouvindo, entao vamos ter que interpretar um "estupro" ok? Eu sei que voce consegue.

O que? Interpretar? Eu nao sei fazer isso Joe :X

Amor, é facil, voce so tem que fingir gritar e implorar pra eu parar de fazer isso. Eles tem que acreditar que eu estou punindo voce ;s

Vamos la? eu sorri meio sem jeito, sabia que ela nao estava confortavel com isso, mas era a unica maneira.
Me aproximei do corpo dela, cheirei seu pescoço, e ela se arrepiou toda. Uma delicia *-*
começei a beeijar seu pescoço, mordendo de leve, ela soltava uns gemidinhos que me deixava cada vez mais louco.
A coloquei no colchao devagar, tirando sua blusa e jogando no chao, me deitei por cima dela, colocando so um pouco do meu peso sobre ela, ela alisava meu cabelo, e eu so sabia sorrir.

Tirei seu sutiã com um pouco de pressa, e começei a alisar seus seios. Esqueci que tinha que ser agressivo amor, susurrei no seu ouvido, e passei a lingua nele.
Ela fechou os olhos, e apertou a minha cintura. É pro nosso bem, faz o que voce tem que fazer amr.

eu vou fazer com amor, e carinho, mas voce finge estar sofrendo, temos que ser rapidos, pense em alguma coisa ruim, sei la, grite de dor.. isso é horrivel, eu sei, mas temos que fazer..


VOU DEIXAR VOCES COM VONTADE DE SABER O RESTO..
RESOLVI CONTINUAR ESSA HISTORIA MESMO, ASSIM QUE ACABAR EU COMEÇO OUTRA
6 COMENTARIOS EU POSTO O PROXIMO ;*

s2

10 comentários:

  1. posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta, posta

    ResponderExcluir
  2. Jáaaaa foram os 6 comentários. Posta logoo por favor? *-* e divulga pra vc ficar com bastante seguidores

    ResponderExcluir
  3. ah na melhor parte voc para ruun' sou nova seguidora õ/

    ResponderExcluir
  4. perfeito *.*
    posta logo
    por favor
    beijemi :b

    ResponderExcluir